LE TUE PAROLE...

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010
Onde vai morrer o sol ...Onde o vento repousa... Estão todas as palavras... De quem esteve apaixonado... E não esqueceu... Tudo que aconteceu ...E esperarei o pôr-do-sol ...E onde passa o vento...Eu me deixo levar...Onde nascem as palavras...Procurarei as tuas palavras...Quero levá-las de volta a ti... Nao é justo que uma mulher...Por medo de errar... Nao possa se apaixonar... E deva se contentar Com uma história sempre igual... De uma vida pra sonhar... Onde vai morrer o sol... Onde o vento reposa... Encontrei tanta gente... Que em um mar de palavras ...E entre tanta confusão... Espera ainda um amor... Não é justo que uma mulher... Por medo de errar... Não possa se apaixonar...E deva se contentar... Com uma história sempre igual... De uma vida pra esquecer... E deva se contentar... Com uma história sempre igual... De uma vida pra esquecer...

1 comentários:

  1. Glória disse...:

    Quer saber, eu também não acho justo.
    Mas será que ainda há tempo pra uma mulher se apaixonar, e começar tudo novamente, do zero, mesmo não sendo mais uma menina?
    Beijos