APROPRIADO?

quarta-feira, 20 de maio de 2009

Nas minhas andanças pela net ontem me deparei com algo que me chamou atenção, uma campanha britânica contra a gravidez na adolescência. Até ai nada de mais. Quando se vê algo assim já se imagina propagando mostrando adolescentes com camisinhas e pílulas e com as famosas frases: “a nossa proteção amor” “temos que ter a nossa proteção” e etc. eu falo isso porque já VI ate em seriados brasileiros que passam na hora que crianças de qualquer idade estão vendo TV e ainda são amplamente aplaudidos “por essa conscientização” n horário nobre. Só que essa conscientização veio na forma de um vídeo mostrando um pátio de uma escola onde uma adolescente esta em trabalho de parto com alunos ao redor, todos em uniforme escolar. Imagens que chocaram, o vídeo ate mesmo chegou a ser tirado ou YouTube. Houve grande controvérsia a respeito dessa propaganda. Porém todos se esquecem de imagens mais chocantes são expostos todos os dias na TV, jornais, revistas e principalmente na internet, veículo de comunicação muitíssimo utilizado por jovens e crianças. Afora que essa veio para alertar de uma possível gravidez precoce, então como pode ser crucificado se retrata a realidade? Muitos se disseram chocados com isso, porem se esquece o quanto a relação sexual foi banalizada, jovens tendo relações sexuais como se fosse uma coisa do dia a dia, sem responsabilidade. Que o melhor meio de se prevenir é não fazer. Não sou puritana, mas acho que cada coisa no seu tempo certo. Se uma pessoa não tem estrutura psicológica,financeira e física para assumir um filho, melhor então não assumir os riscos. Camisinha fura, anticoncepcional falha, e já ouvi falar até me gravidez com diafragma, ou seja, nada é 100% seguro. Ter um filho não é como brincar de casinha e carrinhos, que quando se cansa da brincadeira se guarda os brinquedos, um filho é 24hs, não tem trégua nessa brincadeira. Então se apenas através do choque como esse vídeo se consegue resultados, se consegue chamar a atenção, então assim que se tem que agir. Agora falta um para a conscientização em relação ao uso de drogas, porque só mostrar cada uma e falar do efeito não adianta,tem que mostrar o resultado do uso também. Dou meus parabéns a Leicester Teenage Pregnancy and Parenthood Partnership, um grupo britânico que une profissionais da saúde pública e pais na luta contra gravidez na adolescência.Olha só o caso recente do adolescente Alfie que possivelmete teria sido pai aos 13 anos, ficou decepcionado por não ser o pai da pequena Maisei,mas tantos outros assumiram "a paternidade" também. Crianças querendo ficar famosas, pois o caso foi anunciando aos quatro ventos...Se moda pega hein?



video

1 comentários:

  1. Princesa disse...:

    No vendaval da Vida
    Ter novo horizonte
    Beber na doce fonte
    Ver o nascer do sol
    Limpar meu coração
    Pegar um girassol
    Ofertar aos meus amigos
    Reviver a esperança
    Feliz como uma criança
    Vivendo essa emoção.
    um beijo